O INICIO DO GOVERNO DE GABRIEL BORIC NO CHILE

Há pouco mais de um mês no poder, o presidente do Chile, Gabriel Boric, enfrenta desafios para começar atender as demandas que o levaram à Presidência. Implantação de serviços públicos, combate à desigualdade social e a aprovação da nova Constituinte estão entre as missões do presidente mais jovem da história do país. Porém, de acordo com a agência Reuters, os índices de desaprovação do presidente chileno já chegam a 50%.
Para analisar o conturbado início do governo de Gabriel Boric, o podcast da Fundação Astrojildo Pereira (FAP) bate um papo com Alberto Aggio, doutor em História pela Universidade de São Paulo (USP) e professor da Universidade Estadual Paulista (UNESP) há mais de 30 anos. As expectativas e apreensões do novo governo do Chile, os rumos da Constituinte no país e a importância simbólica da ampla participação feminina no governo de Gabriel Boric estão entre os temas do programa. A condução e edição da entrevista é do jornalista João Rodrigues.

Confira também o artigo de Alberto Aggio, O Chile de Boric à beira do precipício: https://horizontesdemocraticos.com.br/o-chile-de-boric-a-beira-do-precipicio/ .

https://open.spotify.com/episode/0Dqz8xfTSfNtEpGXSb359A?si=48RZ5m1vSpumW6KtUtKfKA&utm_source=copy-link

Autor

Tags Do Post
Compartilhe O Post

Escrito por:

Sem comentários

DEIXE UM COMENTÁRIO